icone facebookTwitterInstagram

 

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, esteve nesta quarta-feira (7) em audiência com o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello para reforçar a proposta de manutenção das habilitações dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTIs) usados no tratamento de Covid-19 no estado.

Foto: Divulgação Ministério da Saúde

Acompanhado do Superintendente do MS em Santa Catarina, Rogério Ribeiro, e do secretário adjunto da Secretaria Executiva de Articulação Nacional, Noilton Moraes da Silva, Motta Ribeiro recebeu a informação de que há, por parte do Governo Federal, o interesse em manter todos os leitos de UTI Covid no estado.

Além disso, dos leitos de terapia intensiva solicitados pelo estado de Santa Catarina, 124 serão habilitados nos próximos dias. O valor representará um investimento de R$ 17,8 milhões nas unidades hospitalares catarinenenses. “É importante ressaltar que o Estado segue atuante e estamos, neste momento, garantindo a manutenção de leitos Covid. Igualmente, nossa estratégia também visa garantir os leitos para as cirurgias eletivas que deixaram de ser realizadas durante a pandemia”, destacou o secretario.

André Motta ainda participou de uma reunião no Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS). Acompanhado pelo secretário de Vigilância em Saúde do MS, Arnaldo Correia de Medeiros, debateu a questão de vacinas e insumos para a Covid-19.