icone facebookTwitterInstagram

Começou nesta sexta-feira, 18 de novembro, uma operação entre várias superintendências da Secretaria de Estado da Saúde para abastecer as unidades hospitalares de Santa Catarina com os medicamentos associados Nirmatrelvir e Ritonavir, os quais são usados para combater o Coronavírus. A ação é feita como prevenção ao aumento de casos da Covid-19 que tem preocupado a SES, com a nova variante BQ.1.1. Ao todo, 46.350 fármacos serão entregues às regionais e coordenadorias de São Miguel do Oeste, Chapecó, Xanxerê, Concórdia, Joaçaba, Videira, Rio do Sul, Blumenau, Itajaí, Grande Florianópolis, Criciúma, Joinville, Jaraguá do Sul, Mafra e Lages.

O transporte desses medicamentos terá a mesma agilidade das entregas de vacinas contra a Covid-19. O Batalhão de Operações Aéreas iniciou na manhã de hoje a entrega para as cidades do Oeste e Extremo-Oeste, sendo elas: São Miguel do Oeste, Concórdia, Videira e Joaçaba. As regionais de Criciúma, Araranguá, Itajaí, Tubarão, Florianópolis e Rio do Sul já retiraram no próprio Almoxarifado da SES os medicamentos, no dia de hoje. Por transporte terrestre, os medicamentos chegam para Joinville, Jaraguá do Sul e Mafra, na segunda-feira; Lages, na terça-feira.

Os critérios para distribuição e dispensação do antiviral Nirmatrelvir associado ao Ritonavir para pacientes com Covid-19, não hospitalizados e de alto risco, teve sua nota técnica publicada no dia 11 de novembro. A associação dos fármacos antivirais Nirmatrelvir e Ritonavir (NMV/r) foi incorporada ao Sistema Único de Saúde (SUS) para ser utilizada no tratamento da infecção pelo vírus SARS-CoV-2, visando a redução do risco de internações, complicações e mortes pela COVID-19.

O NMV/r foi incorporado para tratamento de pacientes com diagnóstico confirmado de COVID-19, com sintomas leves a moderados (não graves), que não requerem uso de oxigênio suplementar, independentemente da condição vacinal e com risco aumentado de progressão para COVID-19 grave, nos seguintes grupos: a) imunocomprometidos com idade igual ou maior que 18 anos; e b) pessoas com idade igual ou maior que 65 anos.

Para disponibilização do tratamento com NMV/r, independentemente do seu status vacinal, o paciente, além de se enquadrar em um dos grupos, deve apresentar quadro de COVID-19 confirmado por teste, estar entre o 1º e o 5º dia de sintomas, apresentar quadro clínico leve ou moderado (COVID-19 não grave) e não requerer uso de oxigenioterapia suplementar.

Confira abaixo quantas unidades serão entregues por cidade:

São Miguel do Oeste – 1500
Chapecó – 4470
Xanxerê – 1500
Concórdia – 1500
Joaçaba – 4470
Videira – 1500
Rio do Sul – 1500
Blumenau – 4470
Itajaí – 4500
Grande Florianópolis – 4500 + 1500
Criciúma – 4470 + 1500
Joinville – 4470
Jaraguá do Sul – 1500
Mafra – 1500
Lages – 1500