icone facebookTwitterInstagram

A partir da primeira segunda-feira de maio, 2, Santa Catarina contará com mais uma ambulância do serviço inter-hospitalar, para realizar transferências de pacientes graves da rede SUS, no Sul do Estado. O serviço tem como finalidade desafogar o alto número de transferências feitas pelo SAMU de Santa Catarina.

A nova unidade ficará no Hospital Regional Deputado Afonso Guizzo, em Araranguá, e atenderá 46 municípios da macrorregional, o que corresponde a 26 hospitais (11 de pequeno porte e 15 de médio e grande porte), além das Unidades de Pronto Atendimento (UPA).

928

As transferências ocorrem de acordo com a demanda espontânea e passam pela Regulação da SES. Já a operacionalização do serviço é garantida pela Diretoria do Atendimento Pré-Hospitalar (APH) Móvel da Superintendência de Urgência e Emergência.

São três profissionais na unidade: um médico, uma enfermeira e um socorrista. Além disso, dois farmacêuticos ficam disponíveis para auxiliar no tratamento e oferecer maior segurança em saúde.

INTER-HOSPITALAR

Esse serviço iniciou em 2021, quando a Secretaria da Saúde recebeu a doação das sete ambulâncias para desafogar o SAMU de Santa Catarina dos milhares de transportes mensais. Com o inter-hospitalar, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência pode focar na sua maior finalidade: o atendimento primário com risco iminente de morte.

A Unidade de Araranguá é a quinta do Estado a iniciar os serviços de transferência inter-hospitalar. As quatro primeiras foram Florianópolis, Joinville, Lages e Chapecó. A demanda tem sido em torno de 400 transportes mensais por macrorregião.

As próximas macrorregiões a receber a inter-hospitalar são Meio Oeste e Vale do Itajaí.

Mais informações para a imprensa:
Andrey Lehnemann
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Saúde - SES
Fone: (48) 3664-8820 / 99628-1141
E-mail: imprensa@saude.sc.gov.br
Site: portalses.saude.sc.gov.br