icone facebookTwitterInstagram

Os integrantes do Projeto Sorriso estiveram nesta quarta-feira, 20, no Hospital Dr Waldomiro Colautti, em Ibirama, para distribuir risos e diversão aos pacientes. Os doutores Pateta e Amnésia e a doutora Meilokinha realizaram atividades lúdicas, levando amor e carinho às pessoas que se encontram internadas. Foi a primeira visita dos especialistas em alegria ao hospital, que já começou um trabalho para que voluntários locais atuem junto aos pacientes nas próximas etapas.

O diretor do hospital, Roberto Ferrari explica que a presença de pessoas levando alegria a um ambiente muitas vezes repleto de tensão e preocupação, é fundamental na recuperação de muitos dos internados. “O processo de hospitalização é algo muito complexo e depende do contexto de cada paciente. Em muitos casos há medos e angústias do internado e de sua família”, afirma. “Assim, ações dessa natureza trazem alegria, positividade e alento melhorando a relação entre o profissional de saúde e o paciente, aliviando a dor por meio do amor em cada riso proporcionado. Com certeza esse projeto vem para melhorar o período de internação dos nossos pacientes, amenizando as mudanças e dificuldades desse momento”.

O Projeto Sorriso teve início em Agosto de 2005 e foi criado por acadêmicos de Medicina da Universidade Regional de Blumenau (FURB). Além de Ibirama, os médicos da alegria já atuam duas vezes por semana em Pomerode, Timbó e Blumenau. Existem experiências semelhantes em todo o mundo, como a Clown Care Unit nos EUA, Le Rire Médicins na França, Klow Doktoren na Alemanha, Dr. Patch Adams (EUA) e os Doutores da Alegria no Brasil.

projetosorriso (2).jpeg

Foto: Divulgação