icone facebookTwitterInstagram

Hoje pela manhã, 21, o Governo deu um importante passo para qualificar ainda mais a Saúde do Estado. Em reunião entre SES, Associação de Hospitais de Santa Catarina (AHESC) e Federação das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas (FEHOSC) foram discutidas soluções para tratar da reforma da política hospitalar catarinense e ampliar o acesso à Saúde. O mesmo assunto vêm sido tratado também com a Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do estado de Santa Catarina (FEHOESC) e o Conselho dos Secretários Municipais de Saúde de Santa Catarina (COSEMS).

467

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, destacou a importância do encontro e reforçou a necessidade da regionalização: “O Governo se faz com parcerias para a constituição de políticas públicas. Esses processos são construídos em conjunto, e a reforma da PHC vem da necessidade de alguns ajustes. A revisão da Política Hospitalar Catarinense que está sendo feita nos últimos meses tem o firme propósito de trazer segurança para as pessoas e acelerar as cirurgias eletivas, que serão o nosso maior desafio pós-pandemia.”.

Entre as discussões estão a classificação dos hospitais em relação ao porte, o perfil assistencial dos estabelecimentos, o nível de complexidade das atividades prestadas pelas unidades hospitalares, o papel do estabelecimento na rede de serviços de Saúde e o regime de propriedade, além da inclusão de leitos destinados à saúde mental.

Mais informações para a imprensa:
Andrey Lehnemann
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Saúde - SES
Fone: (48) 3664-8820 / 99628-1141
E-mail: imprensa@saude.sc.gov.br