icone facebookTwitterInstagram

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) reuniu-se na tarde desta terça-feira, 23, com representantes da Federação Catarinense de Futebol (FCF), Avaí Futebol Clube, Secretaria de Saúde de Florianópolis, Defesa Civil, Polícia Militar e Guarda Municipal para discutir o Plano de Contingência e Protocolos Sanitários visando a partida entre Avaí e Sampaio Corrêa, que ocorrerá no próximo domingo, 28 de novembro, no Estádio da Ressacada.

A SES irá levar ao Grupo Gestor do Governo a solicitação das entidades esportivas para um possível aumento da ocupação de público nos estádios. A ação irá garantir que mais pessoas tomem a segunda dose e completem o esquema vacinal. A Secretaria de Saúde de Florianópolis também levará essa proposta para discussão.

“Em função do quadro epidemiológico atual da região de Grande Florianópolis, que está em risco moderado na cor azul, é possível estudar possíveis alterações com segurança nos parâmetros da portaria que estão dentro da nossa governança, mas devemos seguir o disposto no decreto estadual”, explica o adjunto Alexandre Lencina Fagundes.

A presença de público nos estádios catarinenses é definida pelo artigo 3º da portaria N° 1015, de 13/09/2021. Atualmente, está limitada em 50%.